Blog

0

Quiz: resposta

Pois é, não é o Tiago, muito menos o Takuma Sato. Acertou quem disse Paulo Ian. O prêmio: um abraço do próprio na próxima etapa.

Abaixo os três primeiros carros guiados por ele.

[photopress:paulo1.jpg,full,centered] [photopress:paulo2.jpg,resized,centered] [photopress:paulo3.jpg,resized,centered]

Paulão, explica tudo isso aí!

0

Verdadeira Vitória

Excelente devocional com um perspectiva diferente de vitória.

“Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou.” (Romanos 8:37)

Eu já escrevi devocionais sobre este versículo. Mas recebi de Deus uma nova perspectiva. A verdadeira vitória não é o que conquista, mas aquilo que me torno com o aprendizado da batalha.

Sou mais do que vencedor sempre que me torno o que jamais poderia me tornar, não fosse a oportunidade de ser transformado. Querido, se eu não tivesse ficado doente jamais entenderia o que significa ser curado. Se eu nunca tivesse pregado o evangelho jamais teria vencido corações duros pelo poder de Deus e não teria sequer um filho na fé. Me tornei melhor, mais experiente.

Sou mais do que vencedor sempre que herdo mais do que lutei para conquistar e isso se mostra no que eu me torno. Eu nunca herdei nada, mas imagino que deva ser muito fácil um dia pegar um carro, uma casa ou qualquer outra coisa. Não precisa nem de unção para isso (para usar com sabedoria sim, com certeza). Qualquer bobo consegue receber. Mas o que isso faz comigo? Herdei, sim, honestidade, pontualidade, seriedade e isso é ser transformado. Mas nada disso se compara ao tanto que fui transformado por ter lutado para ser.

Moisés entrou naquele deserto um homem de 80 anos e morreu lá com 120. Mas o Moisés que entrou era pastor de rebanho e o que saiu, vitorioso, era um líder que serve de exemplo para jovens e velhos de todas as nações até os nossos dias. José foi parar no Egito vendido como escravo, foi para cadeia, foi humilhado. Mas quem diria, o presidiário governou o Egito. Ele saiu vitorioso da luta, transformado num administrador e estrategista que não creio que tenha havido igual.

E você? Como tem saído de suas lutas? Apenas ferido, mancado e lambendo feridas? Ou transformado, mais do que vencedor?

“Pai, obrigado por me ensinar pela Tua Palavra que há mais para ser conquistado em Ti. Ajuda-me, pois não sou capaz nem mesmo de perceber Tua mão.”

Mário Fernandez, do site Ichtus.

0

Best Driver 2010 confirmado

Vem aí mais uma edição do Best Driver 2010.

Recebi hoje a confirmação por parte dos organizadores.

Para quem não se lembra, o Best Driver é um evento organizado pela Revista Kartistas, especializada em kart amador.

A ASSEKA marcará presença pela segunda vez.

Serão 5 vagas, sendo que uma vaga é para o organizador do campeonato e as demais para outro pilotos, que serão escolhidos por mim.

Publiquei em Fevereiro algumas informações enviadas pelos organizadores. Veja aqui.

Em breve, no site da revista, o regulamento da competição.

O evento está marcado para o dia 17 de Abril, às 20h, no Kartódromo de Interlagos.

0

Quadro

Achei bem legal. Foi distribuído no dia da Indy em São Paulo. Vale a pena até enquadrar, pena que é uma folha A4.

[photopress:carros_indy_blog.jpg,resized,centered]

0

Quiz

E aí, alguém sabe quem é o piloto do carro #55?

[photopress:Floripa.jpg,resized,centered]

Dica: 1) O ano é 1986; 2) A pista é de rua, em Floripa; 3) O piloto corre na ASSEKA.

Se ninguém descobrir, coloco mais fotos.

0

Pesado que nada

A Categoria Pesados tem sido a coqueluche do final de semana de evento da ASSEKA. Como é bacana ver os pilotos que até o ano passado, assistíamos sempre do meio do grid para o final.

As disputas são limpas e emocionantes. Surpreende, pois não imaginava que havia tanta habilidade encubada nesses pilotos. Exemplo, Rodrigo Ferrara. Fez duas poles consecutivas, uma vitória e um segundo lugar. Segurou pilotos como Paulo Ian e Daniel Mahseredjian, que já têm grande experiência em outras categorias do automobilismo. Que belo começo de temporada.

Os novatos ainda estão esquentando seus motores, mas em breve, com certeza, estarão na disputa com mais força ainda.

Estava conversando com o Ronaldo Benvenuti, exatamente sobre esse assunto, e sobre como ele e os demais pilotos do grid tiveram escola nos anos anteriores andando com o pessoal mais enxuto, já que a categoria passou a existir somente esse ano. O nível se elevou.

Parabéns a todos que pilotam nessa categoria, pois já provaram que é um sucesso. Logo logo veremos o grid da Pesados cheio, se Deus assim permitir.

Nem pensem em regime em pessoal!

Ah, aproveitando, o Paulo sugeriu nomear a categoria, já que Pesados, soa um pouco “pesado” demais, se é que me entendem. Já que daremos um nome a essa categoria, porque não a Geral também?

Mandem suas sugestões! Já temos alguns nomes em mente, vamos ver no que dá!

0

Final de semana de velocidade

Esse final de semana será diferente. Teremos a oportunidade de ter em nossa cidade um grande espetáculo automobilístico – a Fórmula Indy –, finalmente de volta ao Brasil.

O grande barato disso é o fato da corrida ser realizada na rua. Como gosto de corrida de rua. Fico imaginando qual deve ser a sensação de pilotar e a de assistir um evento como esse, já que, infelizmente não sou piloto e não vou assistir no local.

Corrida de rua me dá impressão de intimidade, proximidade, interação com as pessoas e com o meio em que está inserido, o que geralmente não é o habitual. Eu, sinceramente, nunca imaginei uma pista naquele local.

Retoma as origens do automobilismo, não? Afinal de contas, não existiam pistas de corrida décadas atrás, pelo menos no Brasil.

Será um baita de em evento!

Além disso, começa a temporada da Fórmula 1, mais interessante ainda do que o ano passado, e com mais pilotos para torcer. Mas, tenho a impressão que esse monte de equipe nova, com pilotos mais novos ainda, vão fazer lambança.

Parece que o negócio ficou um tanto quanto amador. Equipes sem treinar, pilotos de simulador, etc… O que causa estranheza, frente ao que acostumamos a ver esses anos todos, mas não desgosto, já que as mudanças do regulamento prometem um pouco mais de emoção.

Independente de qualquer coisa, essa mistura toda vai ser bem interessante, talvez a partir da metade da temporada.

E, o mais importante: a 2ª etapa do Campeonato ASSEKA de kart amador, de volta ao Kartódromo Granja Viana, sábado, a partir de 19 horas.

Velocidade não vai faltar.

0

T10 – 1ª Etapa: Uau!

Estou emocionado. Não canso de dizer (ou escrever): Deus é maravilhoso. E vocês, pilotos da ASSEKA, os melhores.

Agradeço a equipe do O Galileo pela presença e pelo belo vídeo! Valeu Rodrigo, Paulo, Felipe e Celso.