Blog

Emoção e muita alegria no ASSEKAsocial

[photopress:DSC_6167.JPG,full,pp_image]

A temporada já poderia acabar!

Nunca imaginei que sentiria tanto prazer em organizar uma corrida de kart como senti sábado, durante o ASSEKAsocial. A ansiedade e expectativa que me consumia durante toda a semana que antecedeu o evento evaporava a medida que tudo dava certo.

O evento aconteceu no Kartódromo Planet Kart, em Guarulhos. O dia estava lindo, os meninos animadíssimos, os pilotos da ASSEKA emocionados e os monitores cheios de orgulho. Durante o Briefing conversamos um pouco sobre três bons motivos para andar com Jesus, contextualizando a experiência do kart com a vida cristã. Logo depois, sorteamos as 20 equipes. A cada sorteio os pilotos da ASSEKA conheciam os meninos do Projeto Baixada Paranaense e passavam valiosas dicas de pilotagem. Dicas essas que os tranquilizavam e enchiam de confiança, uma vez que nunca haviam sentado em um kart antes.

Foram 4 baterias, sendo que duas delas somente com os meninos do PBP. A primeira destinada aos meninos mais novos, de 10 a 13 anos. A segunda bateria aos meninos de 14 a 19. Os pilotos da ASSEKA correram na terceira bateria, formando duplas com os meninos mais novos, enquanto que os monitores na última bateria, formando duplas com os meninos mais velhos.

Era muito bacana ver as duplas conversando sobre a corrida, principalmente os pilotos da ASSEKA, extremamente entusiasmados em poder passar um pouco daquilo que sabem para aqueles meninos. Eu me senti o melhor piloto do mundo ensinando meu pequeno parceiro, Vinicius Souza, que arregalava os olhos olhando para a pista e para mim, sem entender muito o que estava acontecendo.

Na pista a história foi outra. Todos, sem exceção, deram um show de pilotagem. A torcida vibrava com as disputas. Lembro de “disputar posição” do lado de fora com o Daniel Pastore enquanto admirávamos nossos parceiros em ação. Minhas dicas foram tão boas que meu parceiro venceu! Mentira. O moleque pilotou muito mesmo!

Na segunda bateria venceu Alexandre Brito, parceiro da Ana Paula Machado, jornalista que colabora com a ASSEKA. A bateria dos pilotos da ASSEKA teve o Vinicius Neves como vencedor, pra variar um pouco. Também, ele era o mais leve, por isso ganhou. Eu terminei em segundo, 30 kg mais pesado que ele, só pra constar. E, a última bateria teve como vencedor Danilo Pontes, aspirante a fotógrafo do PBP, que nunca havia pilotado antes.

Assim, em terceiro ficou a equipe de Alexandre Brito e Ana Paula Machado, na segunda colocação ficou a equipe de Alex Silva e Danilo Pontes. A grande campeã foi…..a minha equipe com o Vinicius Souza! Demais!

[photopress:DSC_6399_1.JPG,full,pp_image]

Deixando o kart e as corridas um pouco de lado, o mais importante é que Deus esteve presente em todos os momentos. Do planejamento a premiação, e muito mais. Ele tocou pessoas, levantou recursos, quebrou barreiras e nos presenteou com um dia abençoado, além das expectativas.

No facebook, Nilson Piedade, um dos líderes do PBP comentou: “Teve um aluno que comentou a simplicidade dos pilotos… ele disse: “As vezes nós sofremos preconceitos, mas desta vez eu que fui preconceituoso…” O fato de todos conversarem com eles, comerem juntos, abraçarem etc… mexeu muito com ele e certamente com todos. A conclusão foi ótima… ele disse: “Mas por causa de Jesus né tio que eles são assim“”.

Estou certo que contribuímos muito com o desenvolvimento de cada um daqueles meninos. Mas podemos ir além, fazer mais, ajudar mais.

Daniel Pastore, na entrevista que fiz durante o evento, e que estará disponível em breve no site da ASSEKA, disse de forma emocionada algo que todos nós devemos ter em mente: é nosso caminho, é nossa missão ajudar.

Que assim seja, e que no próximo ASSEKAsocial você participe!

[photopress:DSC_6413_1.JPG,full,pp_image]

*Gostaria de agradecer a todos os pilotos da ASSEKA que estiveram presentes, aos pilotos que patrocinaram, porém, não puderam participar por conta de outros compromissos, a liderança do Projeto Baixada Paranaense e a Prefeitura de Jundiaí, através da Secretaria de Assistência Social, que cedeu um ônibus para a turma do PBP. E a Deus, sempre!

3 Comments

0
  • Ronaldo Lacerda

    realmente foi um evento agradavel de participar, primeiro pela acão social ali promovida, depois em ver a alegria daqueles garotos que nunca tinham visto um kart de perto.
    conversei bastante com meu parceiro ( Valdeir) e passei bastante dicas de como fazer uma boa corrida.
    ele assimilou bem e fez uma otima corrida, terminando em terceiro. o
    agora o garoto que formou dupla com o Bruno, parecia um piloto antigo, era calmo, fazia tudo direitinho.
    agora a alegria do Daniel Pastore qdo o parceiro dele tomou a ponta da corrida foi incrivel, ele deve ta quebrado de tanto pular, só que o garoto não segurou a liderança até o fim.
    agradeço a Deus por me dar a oportunidade de participar deste projeto.
    abraço a todos

  • Vinicius Neves

    Sensacional!
    Não tenho nem o que dizer, certamente um dia que ficará marcado na minha vida tb. Espero que a gente possa cada vez mais criar eventos como esse, que são muito mais significativos do que corridas do campeonato. Que venham outros em 2012, pq os muleques vão cobrar! Hehe, mal tinha terminado esse e já vieram me perguntar qdo iam correr de novo. Falei que ano que vem tem mais. Agora temos que cumprir com a minha promessa.

  • Nilson Piedade

    Caros manos, quero dizer a vocês que o que esses meninos vivenciaram neste Sábado impactou a vida deles…Foi impossível mantê-los sentados nos bancos…Eles não só andaram de Kart pela primeira vez, como viram pela primeira vez, pessoas que eles mal conhecem torcendo por eles, comendo com eles, conversando com eles e investindo neles de uma forma tão diferente e carinhosa…Este foi verdadeiro troféu do dia que todos – nós e eles ganharam – Que o Pai continue preservando o coração doador que vocês têm… Pergunta do Vinícius(campeão) na volta: ” tio, qual o kartódromo mais próximo de Jundiái?”